Olympe de Gouges: feminista, revolucionária, heroína

Por Francine Emilia. A história da revolucionária feminista francesa, Olympe de Gouges, contada em quadrinhos é uma grata surpresa. França, 1748. Uma menina nasce, filha de uma mulher possivelmente infiel e possivelmente de um homem de alta posição. A paternidade é assumida pelo açougueiro, marido da mulher talvez adultera, tranquilamente. Uma história bem fácil de…

‘Madame Oráculo’ e as mulheres de classe média

Texto de Ana Rüsche. Durante o feriado, pensei bastante no que poderia trazer para vocês. Dicas de leitura são sempre bem-vindas, não são? Aí lembrei de Madame Oráculo, livro da Margaret Atwood que me impressionou bastante, embora agora, visto com olhares mais críticos, lá tenha suas muitas pontas soltas... Dessa maneira, compartilho algumas de minhas discussões…

As mulheres de García Lorca

Texto de Fernanda Mayer. A dramaturgia de Federico García Lorca pode ser considerada como uma grande reveladora de tradições, poesia polifônica, organizações sociais e expressões da individualidade através da figura feminina em tensão, aprisionada nos rígidos moldes patriarcais. Em suas obras, o poeta andaluz desenhava um triste retrato da Espanha no começo do século XX.…